O Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF) promove Oficina de Instrumentação Científica e Inovação Tecnológica (O2i) a partir de hoje (3), na sede da instituição, no Rio de Janeiro.

Inteiramente gratuita e com vagas limitadas, a iniciativa, voltada para profissionais, empreendedores, professores e estudantes das áreas de física e engenharias, tem como objetivo estimular parcerias e criar ambiente propício à inovação em áreas tecnológicas, colocando em contato esses especialistas, que aplicam ou desenvolvem instrumentação, dispositivos e processos para caracterização, quantificação e controle de parâmetros físicos.

Para os organizadores do evento, a deficiência em instrumentação científica é um dos gargalos do desenvolvimento científico e tecnológico brasileiro. "Formar profissionais qualificados para desenvolver instrumentação para projetos de base científica e tecnológica é certamente um quesito importante para que o país alcance autonomia nesses áreas", afirma Geraldo Cernicchiaro, um dos organizadores do O2i e também coordenador do Mestrado Profissional em Física com ênfase em Instrumentação Científica do CBPF, pioneiro nesse campo de formação e selecionando candidatos todos os semestres.

Com um programa de cursos, palestras e oficinas em Instrumentação Eletrônica,  Sensores, Controle de Processos, Automação, Medidas, Computação, Mecânica e Nanotecnologia, totalizando 18 horas de oportunidades de interação, a ideia dos organizadores do O2i é estabelecer um fórum permanente para articulação de temas de interesse dos grupos atuantes em instrumentação e inovação – os dois "is" conectados na sigla que identifica o evento, previsto para acontecer a cada dois anos.

Para participar do O2i, o interessado deverá se cadastrar no sítio, onde também poderá obter mais informações sobre o evento. Embora não haja limite de data para inscrição, os organizadores lembram que a quantidade de vagas para os cursos é limitada.

 Mais informações: mesonpi.cat.cbpf.br/o2i/

Fonte: Ascom do CBPF

Author

Write A Comment