Rafael Lameira, à esquerda, de camisa preta, com demais representantes estudantis e o candidato Tarso Genro

Nesta quarta-feira, dia 1º de setembro, o ex-ministro da educação do Governo Lula e candidato ao governo do Estado do Rio Grande do Sul, Tarso Genro, e seu vice, Beto Grill, lançaram o Programa de Educação da Unidade Popular pelo Rio Grande (PT, PSB. PCdoB e PR) no auditório do Colégio Americano, em Porto Alegre. As representações das entidades estudantis foram convidadas a participar deste lançamento e a APG-UFRGS representou a ANPG na atividade.

 

A Vice-Presidente Sul da União Nacional dos Estudantes (UNE), Eriane Pacheco, o Vice-Presidente Sul da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES), Leonardo Silveira, e o representante da ANPG, Rafael Lameira (foto), participaram da mesa do ato político de lançamento do programa de educação de Tarso Genro, junto com representantes de várias categorias representativas ligadas à educação e dos partidos que compõe a coligação. Programa este, que as próprias entidades colaboraram na construção, através de seus representantes.

 

Debate de alto nível

 

O ato, que lotou o auditório, foi precedido por um debate sobre a educação com os professores Márcio Pochmann, presidente do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), e Acácia Kuenzer, doutora em Educação, Pesquisadora do CNPQ e professora da Universidade Federal do Paraná.

 

O projeto da coligação para a educação tem como base quatro pressupostos, segundo Tarso. O primeiro é destinar progressivamente mais recursos para a área, mirando o mínimo previsto na Constituição. “Temos de ter também um sistema de permanente qualificação dos professores, trabalhada com os órgãos de representação da categoria, para que possamos melhorar a qualidade do ensino não só com melhorias materiais, mas também com a qualificação dos educadores, que são o elo fundamental desse projeto”, defendeu Tarso.

 

Valorização dos professores

 

Os outros dois pilares do projeto são o aumento progressivo do salário dos professores para atingir o piso nacional e a reestruturação do currículo. Além disso, o candidato se comprometeu com a recuperação da Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (UERGS), sucateada pelo atual governo estadual.

 

No ato de lançamento do Programa de Educação da Unidade Popular pelo Rio Grande,  estudantes do Prouni, UERGS e do IFET, além de representantes da UGES, concederam ao candidato Tarso Genro o título de Doutor Honoris Causa. O prêmio simbólico foi um reconhecimento pelo trabalho de Tarso quando este era ministro da Educação. Os estudantes salientaram, principalmente, os resultados positivos do Prouni, a ampliação das Universidade Federais e das Escolas técnicas, programas criados pela gestão de Tarso, para justificar a entrega do título.

 

Tarso, emocionado, agradeceu aos estudantes : “Este é um dos diplomas mais importantes que recebo em minha vida”.

 

Por Rafael Lameira, diretor de Comunicação da APG-UFRGS

Author

Write A Comment