Começa na quarta-feira (14) o 10º Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva evento organizado pela Associação Brasileira de Saúde Coletiva/ABRASCO. O Congresso será realizado no campus da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e deverá reunir aproximadamente seis mil congressistas, entre docentes, pesquisadores, gestores e profissionais de saúde para debater e enfrentar os desafios teóricos e práticos do campo, tendo como tema central: “Saúde é Desenvolvimento: Ciência para a Cidadania”.

Dentro da programação do Congresso, a ANPG realizará o Encontro Nacional de Pós-Graduandos em Saúde, durante os dias 16 e 17 de novembro. 
 
O Abrascão 2012 traz a proposta do Abrasco Jovem – um espaço de integração científica entre a graduação e a pós-graduação, cujos trabalhos tenham os estudantes como os primeiros autores. Nesta proposta, o Fórum Nacional de Pós-graduandos em Saúde da Associação Nacional de Pós-graduandos (ANPG) esteve representado pelos doutorandos Lúcia Guerra (FSP/USP) e David Soeiro (ENSP/APG/Fiocruz), que participaram ativamente da organização das atividades do evento.
 
O Abrasco Jovem contará com comunicações coordenadas e pôsteres, em período específico e exclusivo das manhãs dos dias 16, 17 e 18 de novembro de 2012, na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) em Porto Alegre-RS.
 
16 de Novembro (14h-18h)
Local: CENTRO DE EVENTOS PLAZA SÃO RAFAEL
Av. Alberto Bins, 514 – Centro Histórico, CEP. 90030-140, Porto Alegre-RS
 
14h – 16h
Mesa: Formação da Pós-graduação em Saúde para consolidação do SUS
 
Jouhanna Menegaz – Secretária Geral da Associação Nacional de Pós-Graduandos – ANPG (UFSC)
Mozart Sales – Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde/MS
Rita Barata – Representante – Saúde Coletiva/Capes
Ricardo Ceccim – Rede Unida
Maria Amélia Veras – Fórum de coordenadores de Pós-graduação em Saúde Coletiva
Marcos Vinicius Soares Pedrosa – Diretor de Saúde da ANPG (UNIFESP)
 
16h – 18h
Plenária do Fórum Nacional de Pós-Graduandos em Saúde (FNPGS)
Coordenação: David Soeiro, Lúcia  Guerra, Jouhanna Menegaz, Marcos Asas
 
17 de Novembro (16h às 18h)
Local: Tenda Paulo Freire (UFRGS)
 
Roda de conversa – Graduação e Pós-graduação em saúde coletiva no Brasil: dilemas e perspectivas de atuação no campo
Debatedores: Fórum Nacional de Pós-graduandos em Saúde/Associação Nacional de Pós-Graduandos (ANPG) e Coordenação Nacional dos Estudantes de Saúde Coletiva (CONESC)
 
MEMÓRIA
 
O Fórum Nacional de Pós-Graduandos em Saúde (FNPGS) foi constituído por estudantes de pós-graduação da área da saúde de todo o país, a partir de um espaço promovido pela Associação Nacional de Pós-Graduandos durante o XXII Congresso Nacional da entidade (UFRJ -Rio de Janeiro, 2010) que teve como tema “A Ciência não está de braços cruzados. E você? – Avançar na Pós-graduação para Transformar o Brasil”, no qual a vice-presidente da Abrasco Profª Drª Lígia Bahia, juntamente com Prof. Dr. Emerson Merhy (UFF) estiveram presentes nos grupos de debates simultâneos (GDs) da área da saúde.
 
Em maio deste ano, este fórum foi retomado no XXIII Congresso Nacional de Pós-Graduandos da ANPG (UNIFESP – São Paulo, 2012). Trata-se de um movimento permanente de discussões e ações direcionadas aos temas que englobam saúde, alinhados ao Plano Nacional de Pós-Graduação 2011-2020 e a defesa de um sistema de saúde (SUS) com acesso universal à população brasileira.
 
Desde sua criação, o FNPGS tem realizado diversas atividades descentralizadas, tendo a ANPG como percussora de suas ações. Durante o Congresso da Rede Unida realizado em maio de 2012 na cidade do Rio de Janeiro, os pós-graduandos apresentaram suas contribuições ao debate em carta aberta, reiterando o compromisso do coletivo em aprofundar o debate.
 
O FNPGS também publicou na série especial da Revista Saúde em Debate (CEBES) Desenvolvimento e Sustentabilidade: desafios da Rio + 20 (v.36, p. 116-119, jun. 2012) a “Carta do Fórum Nacional de Pós-Graduandos em Saúde à Sociedade Brasileira”, onde são apresentadas suas pautas, propostas e pretensões, quanto um coletivo de estudantes da área da saúde da pós-graduação brasileira. Acesse a carta na íntegra aqui.
 
Da redação
 
 
 
Author

Write A Comment