Cerca de 2.300 estudantes de todas as regiões do país participam do 38o. Congresso da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES), desde a quinta-feira (10), em Belo Horizonte, na UFMG – campus Pampulha. Eles foram escolhidos em etapas estaduais para representar as escolas brasileiras na eleição da diretoria que representará os secundaristas no próximo período.

 
Debates e atos foram realizados no início do evento, que contou com a presença maciça do movimento estudantil, além de autoridades políticas do Estado e do país. Domingo foi realizada a plenária final que vai encerrou o congresso e elegeu como presidente o estudante do Estado do Amazonas, Yann.   
 
Estudantes defendem uso de 50% do fundo do pré-sal para a educação
Ato político, com a presença do prefeito de BH e do presidente da ANP, vai ratificar a proposta, durante 38º Congresso da UBES
 
Na manhã de sábado, 12, aconteceu no Mineirinho, em Belo Horizonte, um ato político Em defesa de 50% do Fundo Social do Pré-sal para Educação, como parte das atividades do 38º Congresso da UBES (União Brasileira dos Estudantes Secundaristas).
 
No ato o prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda (que não pôde comparecer na abertura do Congresso); Patrus Ananias, ministro do Desenvolvimento Social; Haroldo Lima, presidente da Agência Nacional do Petróleo; Beto Cury, secretário Nacional de Juventude; Jô Moraes, deputada federal (PC do B-MG), além de outros nomes importantes do cenário nacional.  Em seguida, houve também um ato em defesa da Meia-Entrada.
 
 
 
UBES lança livro sobre sua história
 
A abertura do Congresso, na noite da quinta-feira (10), foi marcada pelo lançamento do livro UBES, uma rebeldia consequente, resultado de dois anos de pesquisa e entrevistas com os ex-dirigentes que ajudaram a construir a União Brasileira dos Estudantes Secundaristas.
 
De autoria de Raisa Marques e André Cintra, o livro faz um resgate dos 60 anos de uma história, "rica e apaixonante" da entidade, de acordo com Raisa. Bastante emocionada, a autora afirmou que o projeto é um passo importante para que os estudantes percebam que são protagonistas de uma luta fundamental para a construção de uma educação com mais qualidade.
 
Para o atual presidente da UBES, Ismael Cardoso, o livro é um reconhecimento à luta de todos aqueles fizeram e fazem parte da entidade. "A UBES é um desafio aconselhável a qualquer estudante secundarista", enfatizou.
 
Debates
 
Durante toda a sexta-feira, os estudantes que participam do Congresso acompanharam debates sobre temas como Esporte e juventude, desafios e oportunidades; Os desafios do projeto nacional de desenvolvimento sustentável, o pré-sal é nosso; Democracia e participação no ensino médio; O currículo do ensino médio ontem e hoje, entre outros.
 
Por Luisa Barbosa, da redação com estudantenet
Author

Write A Comment