A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) divulgou o resultado final da 1ª chamada de projetos para a Escola de Altos Estudos (EAE). Foram selecionadas seis projetos em universidades das regiões do Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste, com temas como “Faces do desenvolvimento rural sustentável” e “Letramentos Acadêmicos, Internet e Mundialização”.
A Escola de Altos Estudos consiste em atividade de cooperação acadêmico-internacional na forma de cursos de curta duração. Trata-se de uma iniciativa da Capes para fomentar a cooperação acadêmica e o intercâmbio internacional em cursos e programas de pós-graduação stricto sensu. O objetivo é trazer professores e pesquisadores estrangeiros de elevado conceito internacional para a realização de cursos monográficos, a fim de fortalecer, ampliar e qualificar os programas de pós-graduação de instituições brasileiras.
A EAE se desenvolve com recursos Capes, que são empregados em passagens aéreas, hospedagem e apoio operacional. Todos os cursos são documentados e passam a integrar o acervo da agência. Os cursos ministrados pelos especialistas estrangeiros têm curta duração e somam créditos para o programa de pós-graduação dos participantes. A Capes incentiva a formação de consórcios entre universidades para ampliar o acesso aos eventos. Quando possível participar via internet ou teleconferência, o curso também deve contabilizar créditos.
Acesse o resultado: http://capes.gov.br/images/stories/download/legislacao/14112016-Escola-Altos-Estudos-resultado-final-edital-n-04-2015.pdf
Fonte: CAPES

Write A Comment