0b4ffa48-eb48-473f-bfa4-8f425349dfce (1)

Em reunião, diretoria aprovou campanhas e convocou jornada de lutas e 41º CONAP

A diretoria plena da ANPG se reuniu na tarde desta segunda-feira (17), na Universidade Federal de Minas Gerais, durante a 69ª RA da SBPC. Juntamente aos pós-graduandos, às pós-graduandas e aos representantes de APGs de todo o Brasil, os diretores fizeram um balanço da atuação da entidade no último semestre e debateram os rumos e as lutas do movimento nacional de pós-graduação para o próximo período.

A ANPG encabeçará três campanhas que foram apresentadas e votadas durante a reunião. A entidade se posiciona e reforça o coro pela defesa da Democracia com a Campanha Cientistas e Pesquisadores por Diretas Já, que será lançada juntamente com manifesto que, segundo a presidenta da entidade, Tamara Naiz, já reúne centenas de assinaturas.

A primeira ação dessa campanha será o ato político que será realizado durante o 5º Salão Nacional de Divulgação Científica, nesta quinta-feira (20), às11h30, na Escola de Engenharia da UFMG.

Veja o Manifesto AQUI

O estudo “Previdência para os pós-graduandos: caminhos para a construção de uma política sustentável”, desenvolvido pela ANPG e apresentado durante a reunião, deve embasar a campanha da previdência dos pós-graduandos e pós-graduandas que a entidade irá encampar. “Cabe ressaltar a importância do tema no sentido de buscar a ampliação de direitos a um setor protagonista no processo de produção e de conhecimento no país”, diz Tamara.

O pós-graduando em Saúde Coletiva pela UERJ, Pedro Henrique Corrêa, falou sobre a situação calamitosa da pós-graduação no Rio de Janeiro, que sofreu um corte de mais de 30% nos recursos. A partir disso, foi apresentada a campanha “SOS Bolsas FAPERJ e Estaduais: contra qualquer corte em Educação, Ciência e Tecnologia”, que deve ser encabeçada ANPG e APGs cariocas.

“A proposta é utilizar da força que temos enquanto APGs para construir uma ampla mobilização nacional de solidariedade aos pós-graduandos que estão sem receber bolsas da FAPERJ desde fevereiro”, explicou Pedro. A campanha terá um abaixo-assinado pelo pagamento imediato das bolsas e evento que será realizado na segunda metade de agosto.

41º CONAP e Jornadas Nacional de lutas

Durante a reunião também foi convocada a Jornada Nacional de Lutas que irá retomar uma articulação de juventude com várias ações programadas para agosto. “Ao longo do mês, serão realizadas ações como debates, atos e, no dia 17 de agosto, será o dia de luta de mobilizações nas capitais”, diz Tamara.

Também foi convocado o 41º Conselho Nacional de Associações de Pós-Graduandos (CONAP)  para a segunda quinzena de outubro, em São Luís, no Maranhão. “A cada dois anos, a ANPG realiza esse evento, onde são votadas as pautas do movimento de pós-graduandos e do Brasil”, diz Cristiano Flecha, vice-presidente da ANPG.

Conheça o Tomo completo desta reunião: III Reunião de Diretoria Plena ANPG 2016-2018

Diretas por Direitos

Foram aprovadas pelos pós-graduandos e pós-graduandas uma resolução de conjuntura política e três moções: Moção contra o desmonte das universidades públicas; Moção da campanha SOS Bolsas FAPERJ e Estaduais e Moção contra o Desmonte da UNILA e da UNILAB.

“É preciso repactuar as forças democráticas e isso não será possível sem entregar ao povo brasileiro o que lhe é devido, o direito ao voto popular”, diz trecho da resolução aprovada. “Nós, pós-graduandos brasileiros, exigimos eleições diretas como principal mecanismo para repactuar a democracia brasileira”.

Os textos das moções e da resolução aprovados serão publicados posteriormente no site da ANPG.

Write A Comment