Assinado em novembro de 2008, por Brasil e Canadá, o Acordo sobre Ciência, Tecnologia e Inovação visa promover uma maior colaboração em pesquisa e desenvolvimento (P & D) entre Brasil e Canadá em áreas de interesse mútuo. Agricultura, biotecnologia, nanotecnologia e medicamentos são algumas das áreas nas quais os interessados podem se inscrever até 19 de abril.

 

Em agosto de 2010, para estimular a mobilidade acadêmica e a cooperação científica, Brasil e Canadá, por intermédio da CAPES -Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior no Brasil e do Escritório Regional do Ministério das Relações Exteriores e Comércio Internacional (DFAIT)assinaram um Memorando de Entendimento (MoU). O "Prêmio Brasil-Canadá – Projetos Conjuntos de Pesquisa" é a primeira iniciativa a ser lançada no âmbito do MoU. O objetivo do presente concurso é fornecer bolsas de estudo para alunos de doutorado de modo a apoiar projetos de pesquisa orientada em equipe entre instituições canadenses e brasileiras de ensino superior em áreas-chave da cooperação bilateral.

As equipes de pesquisa devem ser formadas por um professor coordenador e no máximo cinco estudantes de doutorado por projeto. Cada doutorando receberá 8,4 mil dólares canadenses para uma estadia de seis meses no Canadá – esses recursos ajudarão a cobrir os custos de subsistência, os vistos e as taxas de administração escolares, além da passagem aérea e do plano de saúde. O professor coordenador do projeto poderá receber, mediante solicitação, 3 mil dólares canadenses para fazer uma visita de dez dias ao Canadá.

A duração do projeto é 24 meses: de setembro de 2011 a setembro de 2013. O financiamento será concedido pelo Governo do Canadá por meio do Escritório Canadense de Educação Internacional (CBIE).

Os pesquisadores brasileiros devem se inscrever por intermédio da Capes. No entanto, é importante que os grupos de pesquisa que pretendem trabalhar juntos apresentem propostas alinhadas. Os coordenadores brasileiros e canadenses devem concordar sobre as duas propostas paralelamente.

 

Mais informações aqui.

Da Redação, com informações do Jornal da Ciência e Consulado do Canadá.

 

Author

Write A Comment