Associadas_Geral
Hoje, 22 de agosto, a SBPC realizou uma importante reunião com todas as associações afiliadas à entidade, incluindo ANPG, ABC, e Fórum de Ciências Humanas Aplicadas, para a criação de um Fórum Permanente que trabalhará com intensidade em defesa da ciência e tecnologia e da educação no Brasil.
O propósito do Fórum é estreitar mais as discussões e ações comuns com as diversas sociedades científicas que, em seu conjunto, exibem uma representatividade ampla da comunidade científica brasileira. “A formação desse Fórum Permanente nesse momento é muito importante porque ele será um mecanismo fundamental para mobilização e articulação da comunidade científica contra o desmonte que estamos vivenciando. É importante que estejamos articulados para que possamos garantir o financiamento para ciência e para educação e que para, além disso, possamos garantir a continuidade desses investimentos e a retomada no papel do estado no crescimento do pais”, explica a presidenta da ANPG, Tamara Naiz, que esteve presente na reunião.
Para o presidente da SBPC, Ildeu Castro Moreira, a criação do Fórum é importantíssima: “Nesta reunião, que contamos com a presença de 60 sociedades científicas brasileiras – um número bem expressivo,  houveram vários debates e colocações convergentes e traçamos  linhas de ações. Isso porque estamos vivendo um momento muito grave para ciência, educação e para as políticas públicas brasileiras. Discutimos muito como vamos atuar nesse momento para tentar reverter os cortes drásticos que estão acontecendo na ciência e das universidades federais. Também vamos pensar prospectivamente nos próximos anos e como construir uma politica pública de ciência, tecnologia, meio ambiente e saúde muito mais próximas daquelas necessidades em que o pais apresenta e não apenas para políticas localizadas ou muito particulares”, disse Moreira para ANPG.
Entre as ações já definidas do Fórum estão: confecção de uma carta destinada ao presidente da República, Michel Temer, apresentando a opinião da comunidade científica, confecção de uma carta aberta a sociedade e destinada aos parlamentares, chamada de uma reunião do Conselho Nacional de Ciência e Tecnologia, atuação forte no Congresso Nacional, manifestações das sociedades científicas, segunda marcha pela ciência e uma maior atuação política organizada.  “A ANPG permanece mobilizado pela ciência no Brasil e vamos puxar a segunda Marcha pela Ciência no Brasil agora no primeiro final de semana de setembro junto com a SBPC e demais entidades. Sempre em defesa do pagamento das bolsas, do financiamento da ciência e em defesa da educação pública e gratuita. E convocamos a todos para participar!”, complementa Tamara.
Participe!
A Marcha pela Ciência acontecerá no Rio de Janeiro no dia 2 de setembro no Museu do Amanha às 15 horas. O tema desta edição é: O que será o amanha?
Saiba mais

Write A Comment