Segundo o Uol, os cursos com maior número de contratos formalizados até o momento são engenharia, direito, administração e enfermagem
 
O Fies (Fundo de Financiamento Estudantil) formalizou 1,033 milhão de contratos de ensino superior em faculdades privadas desde 2010. O número foi divulgado nesta quinta-feira (22) em cerimônia com a presidente Dilma Rousseff e o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, em São Paulo.
 
Apenas em 2013, foram celebrados mais de 423 mil contratos. Os cursos com maior número de contratos formalizados até o momento são engenharia, direito, administração e enfermagem.
 
"A medida que o Brasil cresce e se desenvolve precisamos de mais engenheiros", disse o ministro do Aloizio Mercadante.
 
Há também 26 mil contratos no curso de medicina, outros 22 mil em odontologia e 22 mil em farmácia.
 
"O Prouni e o Fies são as duas faces de uma moeda, completam todo o esforço que fizemos de ampliar nossas universidades [federais]", afirmou a presidente.
 
Crescimento
 
O grande aumento no número de contratos se deve a facilitações nas condições de financiamento e também à postura ativa de instituições particulares em cooptar alunos pelo programa. Ao mesmo tempo que o Fies resulta no maior acesso de estudantes ao ensino superior, é também tido pelas instituições privadas como sinônimo de ganho certo e queda nos calotes de alunos.
 
O índice de inadimplência nas instituições caiu de 8,46% em 2011 para 8,43% em 2012 – na contramão da inadimplência das pessoas físicas no Brasil, que teve alta de 7,7% para 8% no período. Os dados são do Semesp, o sindicato paulista das mantenedoras das faculdades.
 
O grande salto nas contratações do Fies foi a partir de 2011, ano que passaram a valer as novas regras anunciadas no ano anterior – como a queda nos juros, ampliação de carência e abertura para contratação em qualquer momento do ano.
 
Entre 2011 e 2012, o número de financiamento dobrou, chegando a 599 mil no fim do ano passado. Mas a expansão do financiamento continua e os contratos do primeiro semestre já superam em 32% os do mesmo período de 2012. Os contratos representaram R$ 29,1 bilhões de 2010 a 2012.
 
O que é o Fies
 
O Fies concede financiamento a estudantes regularmente matriculados em cursos superiores privados, com avaliação positiva nos processos conduzidos pelo MEC (Ministério da Educação). O programa oferece cobertura até 100% do valor da mensalidade e juros de 3,4% ao ano. O contratante só começa a quitar o financiamento 18 meses depois de formado.
 
Apenas alunos com renda familiar mensal de no máximo 20 salários mínimos podem pedir o financiamento. A cobertura de 50% ou 100% dos encargos do curso é calculada de acordo com a renda familiar mensal bruta e do comprometimento dessa renda com os custos da mensalidade. Novos pedidos de financiamento podem ser apresentados em qualquer período do ano.
 
Author

Write A Comment