O professor e neurocientista Sidarta Ribeiro abriu espaço em meio à intensa agenda de debates e palestras da 71a Reunião Anual da SBPC, realizada na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, para falar aos pós-graduandos sobre o atual momento do país e do papel da ciência para a retomada do desenvolvimento.

Otimista, Sidarta vê na crise atual também um momento de oportunidades e diz que é possível, mesmo com pouco recurso, fazer pesquisa e trabalhos de qualidade.

“O Brasil pode e precisa se levantar. Esse é um momento de crise, mas também de oportunidade. A gente precisa pensar o futuro do pais, qual a vocação do pais”, disse ao site da ANPG. Confira a entrevista abaixo:

 

Escreva um Comentário