16702558912_9b8087eeed_m
visual.hunt

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) criou o Programa de Fluxo Contínuo de Demandas Espontâneas ou Induzidas para as áreas de educação, ciência, tecnologia e inovação. O objetivo é financiar propostas não contempladas nos editais específicos da agência de fomento e apoiar projetos estratégicos por meio de demandas espontâneas ou induzidas pelo governo federal.

Instituído por meio de portaria publicada na Diário Oficial da União (DOU) nesta segunda-feira (21), o programa, em seu módulo de demanda espontânea, tem o objetivo de permitir que os proponentes apresentem propostas por livre iniciativa em todas as áreas do conhecimento nos moldes de fluxo contínuo, ou seja, sem a necessidade de atender os tradicionais cronogramas de editais. O prazo para análise das propostas recebidas é de até seis meses contados do recebimento da proposta.

Já a modalidade de demandas induzidas visa permitir à Capes estimular a comunidade científica a apresentar projetos de interesse social, econômico, estratégico ou de relevância pública. Nestes casos, serão abertas chamadas específicas onde serão definidos os requisitos mínimos para submissão das propostas. O programa poderá financiar missões de trabalho e estudos, bolsas de estudo além de itens de custeio e capital.

Para saber mais sobre o programa: http://pesquisa.in.gov.br/imprensa/jsp/visualiza/index.jsp?jornal=1&pagina=23&data=21/11/2016

Fonte: Agência Gestão CTI

Write A Comment