Programas de pós-graduação (PPGs) têm até o dia 6 de outubro para inscreverem os trabalhos que concorrerão à premiação
 
O Prêmio Capes de Tese reconhece as melhores teses de doutorado selecionadas em cada uma das áreas do conhecimento reconhecidas pela Capes nos cursos de pós-graduação adimplentes e reconhecidos no Sistema Nacional de Pós-Graduação.
 
A premiação é fruto de parceria entre a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), a Fundação Conrado Wessel e o Instituto Paulo Gontijo. As teses vencedoras do Prêmio ainda concorrem ao Grande Prêmio Capes de Tese.
 
Inscrições
 
A pré-seleção das teses a serem indicadas ao Prêmio Capes de Tese ocorrerá nos PPGs das instituições de ensino superior. Cada programa de doutorado deverá instituir uma comissão de avaliação. Após a indicação da tese vencedora pela comissão, o coordenador do programa de pós-graduação será responsável pela inscrição da tese.
 
Para concorrerem ao Prêmio Capes de Tese, os trabalhos devem, necessária e obrigatoriamente, atender aos seguintes critérios de elegibilidade: estar disponível no banco de teses da Capes; ter sido defendida em 2009; ter sido defendida no Brasil, mesmo em casos de cotutela ou outras formas de dupla diplomação; e ter sido defendida em programa de pós-graduação que tenha tido, no mínimo, cinco teses de doutorado defendidas em 2009.
 
Os resultados da seleção serão divulgados até 26 de novembro deste ano. A solenidade de entrega dos prêmios acontecerá no dia 10 de dezembro, na sede da Capes, em Brasília.
 
Premiação
 
Os selecionados no Prêmio Capes de Tese recebem passagem aérea e diária para o autor e um dos orientadores da tese premiada para que compareçam à cerimônia de premiação; certificado de premiação a ser outorgado ao autor, orientador, co-orientador (es) e ao programa em que foi defendida a tese; medalha para o autor; auxílio equivalente a uma participação em congresso nacional para o orientador, no valor de R$ 3 mil; e bolsa para realização de estágio pós-doutoral em instituição nacional de três anos para o autor da tese, podendo converter um ano em estágio pós-doutoral fora do país em uma instituição de notória excelência na área de conhecimento do premiado.
 
Está prevista a concessão de um prêmio adicional no valor de R$ 15 mil, pelo Instituto Paulo Gontijo, para os autores das teses vencedoras nas áreas de "Astronomia/Física" e de "Matemática/Probabilidade e Estatística".
 
Aos vencedores do Grande Prêmio Capes de Tese serão concedidos passagem aérea e diária para o autor e um dos orientadores da tese premiada para que compareçam à cerimônia de premiação; certificado de premiação a ser outorgado ao autor, orientador, co-orientador(es) e ao programa em que foi defendida a tese; medalha para autor; auxílio equivalente a uma participação em congresso internacional para o orientador, no valor de R$ 6 mil; bolsa para realização de estágio pós-doutoral em instituição nacional de até cinco anos para o autor da tese, podendo converter um ano em estágio pós-doutoral fora do país em uma instituição de notória excelência na área de conhecimento do premiado; e U$ 15 mil para o premiado, concedidos pela Fundação Conrado Wessel.
 
Os benefícios do Prêmio Capes de Tese e do Grande Prêmio Capes de Teses não são acumuláveis, devendo o autor e o orientador optar por um dos dois.
 
 
Informações também pelo e-mail [email protected] ou pelos telefones (61) 2022-6024 (Fernanda) e (61) 2022-6020 (Talita).
 
Fonte: Jornal da CIência
Author

Write A Comment