Os candidatos as eleições deste ano têm até a próxima quinta-feira – 30 de setembro – para enviar assinatura e foto para a coordenação do Movimento Pacto pela Juventude. O nome e o número dos candidatos que se comprometeram com as propostas dos jovens brasileiros serão amplamente divulgados na véspera da eleição. As propostas defendem a inclusão dos 50 milhões de jovens brasileiros na estratégia de desenvolvimento nacional.

A publicação do Pacto pela Juventude é composta por nome, número e partido do candidato e lembra os modelos das tradicionais “colinhas” utilizadas pelo eleitor para lembrar os números na hora da votação. As tabelas serão amplamente divulgadas pela Internet, através das redes sociais e pelos meios de comunicação das organizações da sociedade civil que compõem o conselho. 

As propostas da campanha, que tem como lema Apostar na Juventude é Investir no Brasil, foi amplamente divulgada por meio da internet, nos sites de entidades, portais de notícias e blogs. 

Até o momento candidatos de 20 estados se comprometeram com as bandeiras defendidas no Pacto, desses 14 são candidatos aos governos estaduais. 

Os candidatos que ainda não assinaram o documento, ou que ainda não enviaram cópia da assinatura para o e-mail da coordenação podem fazê-lo até às 18 horas da próxima quinta-feira, quando será finalizado o documento de recomendação. 

Pedido dos jovens

O Pacto pela Juventude é uma iniciativa das 67 entidades que compõem o Conselho Nacional de Juventude (Conjuve). O Pacto 2010 reúne ideias e propostas nas áreas de Educação, Trabalho Decente, Esporte, Cultura, Lazer, Saúde, Meio Ambiente, entre outras, e propõe aos candidatos à Presidência, Senado, Câmara Federal, Assembléias Estaduais e Governos Estaduais o trabalho conjunto para atingir os objetivos citados no documento.

Segundo o documento, o Brasil tem atualmente a maior quantidade de jovens, em termos absolutos, de toda a história. Entretanto, um terço deles podem ser considerados pobres e apenas 15,7% tem renda superior a dois salários mínimos.

O documento pede, entre várias outras reivindicações, a erradicação do analfabetismo e a criação de políticas públicas que aumentem a escolaridade da população brasileira, além de expansão da universidade pública e políticas de assistência estudantil. 

Também está no Pacto Pela Juventude o pedido para que sejam asseguradas iniciativas que promovam a inclusão dos jovens no mercado de trabalho, sem entretanto utilizar o trabalho de aprendizes e estagiários como forma de precarização do trabalho juvenil.

Serviço:

Para fazer parte da lista de apoiadores do Pacto pela Juventude o candidato deve enviar cópia digitalizada da página de assinatura e foto do momento da adesão. O e-mail para envio de fotos e assinatura é [email protected].

Para ler e/ou baixar o texto do Pacto pela Juventude clique AQUI 
Para ver quem já assinou o Pacto clique AQUI.

Fonte: Conjuve

 

 

Author

Write A Comment