2010 foi um ano de lutas e conquistas. Com diretoria e desafios renovados desde o primeiro semestre, a ANPG buscou garantir a intervenção dos pós-graduandos brasileiros em temas como política de bolsas para a pós-graduação, política nacional de ciência, tecnologia e inovação, além de educação, direitos da juventude, divulgação científica e diversos outros debates e ações que nos envolvemos ao longo deste ano. Mas temos certeza de que o envolvimento de cada vez mais pós-graduandos e uma pauta acertada, teremos mais conquistas em 2011 do que tivemos em 2010. Aproveite as festas de fim de ano e participe conosco das lutas!
 
Na última semana de 2010 ainda há lutas, como o repúdio aos cortes no orçamento previsto para a Ciência e Tecnologia em 2011, manifestado em nota pública. Mas o ano inteiro foi recheado de pautas, conquistas e atividades.
 
Desde abril, quando a atual diretoria da ANPG foi eleita em congresso realizado no Rio de Janeiro, não houve descanso ao movimento nacional de pós-graduação. Além de realizar as etapas finais da Caravana de Ciência, Tecnologia e Inovação da ANPG em maio, a diretoria teve uma semana agitada em sua posse, no mesmo mês. Foram audiências com o ministro da Educação, o presidente da Capes, o presidente do CNPq e o ministro da Ciência Tecnologia, consolidando uma robusta campanha de bolsas, que pautou os direitos dos pós-graduandos junto a esses órgãos. A posse foi seguida da 4ª Conferência Nacional de Ciência e Tecnologia, que a ANPG participou de forma destacada, distribuindo para os participantes as resoluções do seu recém realizado congresso, compondo mesas da conferência e expondo suas opiniões e articulando com os participantes em todos os debates. 
 
Em junho a ANPG participou da luta pela aprovação de 50% do Fundo Social do Pré-Sal para a Educação no Senado Federal e a APG da UFRGS tomou posse. No mesmo mês, foram fundadas a  Federação Nacional de Pós-Graduandos em Direito (FEPODI) e a APG da UFBA. No início de julho, a ANPG participou da pressão pela aprovação da PEC da Juventude, aprovada no dia 07 daquele mês. Julho também foi o mês de intenso debate acerca da Portaria Conjunta número 01 da CAPES e do CNPq, que permitiu o acúmulo de bolsas de pesquisa com atividade remunerada.
 
2º Salão
 
Durante a 62ª Reunião Anual da SBPC em Natal, em julho, a ANPG fez o seu 2º Salão Nacional de Divulgação Científica. Com o tema “Integração Científica e Tecnológica na América Latina”, o salão reuniu representantes de diversas instituições da América Latina em uma atividade que mais uma vez uniu ciência e arte para discutir os rumos do país… e, desta vez, também da América Latina. Na ocasião foi lançado o segundo número da revista científica da ANPG.
 
Em agosto a UFLA realizava o seu congresso de pós-graduação em conjunto com reunião regional da SBPC. Entre os debates, destacou-se a discussão sobre o convênio entre 7 universidades mineiras, que vem sendo chamado de “superuniversidade”. No mesmo mês, a ANPG foi a Brasília cobrar a instituição da licença-maternidade para bolsistas da CAPES, o que veio a se tornar realidade em novembro. E o reconhecimento de que esta foi uma pauta da ANPG foi registrado no Diário Oficial da União péla própria CAPES.
 
Em agosto teve ainda greve de médicos residentes, da qual o diretor de saúde da ANPG participou ativamente, com o apoio da diretoria da entidade.
 
Eleições
 
Em setembro foi publicada a avaliação trienal da CAPES – a ANPG participa do processo por meio da sua cadeira do Conselho Técnico Científico da agência. No mesmo período, a entidade garantiu a participação dos pós-graduandos nos debates sobre o novo Plano Nacional de Pós-Graduação (PNPG 2010-2020) e apresentou sua plataforma aos diversos candidatos a governos estaduais e à presidência da república. A ANPG engrossou também a lista dos que elaboraram e divulgaram o Pacto pela Juventude. Em setembro a APG da UFRGS realizou o seu 1º Salão de Pós-Graduação e a UFF garantiu gratuidade em todos os seus cursos, inclusive especialização e MBA.
 
Em outubro a entidade dos pós-graduandos brasileiros garantiu participação na maior feira de inovação do país, a Inovatec, lançou o Blog do PNPG e a APG da UFV elegeu nova diretoria. Participamos também da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia e em novembro garantimos a intervenção dos estudantes de pós-graduação na Conferência sobre Desenvolvimento, organizada pelo IPEA.
 
Além da conquista da licença-maternidade pela CAPES, em novembro a ANPG engrossou a pressão das entidades estudantis para que nenhum estudante fosse prejudicado pelas falhas do ENEM. No mesmo mês os pós-graduandos da UFMA organizaram a sua APG e a ANPG reforçou as mobilizações pela aprovação do Estatuto da Juventude no Congresso Nacional.
 
Praia do Flamengo, 132
 
Em dezembro, o Congresso Nacional aprovou 50% do Fundo Social do Pré-Sal para a Educação, o que o presidente Lula veio a vetar depois. O mesmo presidente Lula lançou a pedra fundamental da sede das entidades estudantis no terreno histórico da Praia do Flamengo, 132, no Rio de Janeiro, e a ANPG participou do ato. Em dezembro, a APG da UFRJ elegeu nova diretoria, a ANPG compôs a delegação brasileira que participou do 17º Festival Mundial da Juventude e dos Estudantes (FMJE) na África do Sul, apresentou emendas que garantiram um remanejamento de 15 milhões de reais para bolsas do CNPq e reforçou a campanha por aumento da quantidade e do valor das bolsas de pós-graduação. Nossa derradeira luta é contra os cortes em Ciência e Tecnologia para o orçamento 2011.
 
Em 2011 começaremos participando de uma grande Bienal de Arte, Ciência e Cultura, organizada pela UNE no Rio de Janeiro logo no primeiro mês do ano. Durante a semana da Bienal, a ANPG realizará sua reunião ampliada para planejar as atividades… e aí virão CONAP, 3º Salão Nacional de Divulgação Científica, debates, seminários, mobilizações, campanhas e muito mais.
 
Participe da construção de um Brasil justo e desenvolvido, some-se à ANPG nesta luta e participe das nossas atividades. Por um 2011 com ainda mais lutas e conquistas que 2010. Que venha o futuro!
 
ANPG
Author

Write A Comment