Sucesso no Salão Nacional de Divulgação Científica!

carteira-de-estudante-2023-b

 A Associação Nacional de Pós-graduandos, junto com a União Nacional dos Estudantes (UNE), a União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES) e a Comissão Executiva Nacional do Programa de  Educação Tutorial (CENAPET), promoveu nos dias 21, 22 e 23 de outubro um grande espaço de divulgação cientifica do país. “O Salão, sem dúvida, ficará marcado na história da ciencia do nosso país”, destacou Hugo Valadares, presidente da ANPG.

 
Abertura

 
Albert Einstein, Alexandra Kollontai, Karl Marx, Leonardo Da Vinci, Milton Santos e Santos Dumont, alguns gênios que revolucionaram a ciência no mundo, abriram com maestria o 1º Salão Nacional de Divulgação Científica. Atores que caracterizavam esses cientistas deram inicio a esse evento que se configurou como um marco inédito da divulgação cientifica dos jovens de nosso país.


Os mesmos cientistas chamavam a atenção de alunos e professores na ilustração reproduzida em bonecos de 1,8 metros de altura. Foi este o ambiente que atraiu mais de 400 participantes ao 1° Salão Nacional de Divulgação Científica, atividade que integrou a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia.

A abertura da atividade aconteceu às 9h do dia 21 e contou com a presença de, entre outros, Hugo Valadares, presidente da ANPG, Arthur Herculano, presidente da UPES (União Paulista dos Estudantes Secundaristas) e Augusto Chagas, presidente da UNE, que destacou a importância da atividade e defendeu 50% do fundo do pré-sal para a educação, como estímulo à ciência, tecnologia e inovação.
 

 

 

Logo após a abertura, deu-se início a Conferência com o tema da atividade: “Popularização da Ciência no Brasil”. Participou dessa Conferência o professor e ativista do Software Livre, Sérgio Amadeu, que destacou que é preciso incentivar o conhecimento. Conhecimento aberto: "Com a ciência cada dia mais aberta, mais criativa será". 


Ineditismo

É a primeira vez que entidades do movimento estudantil (UNE, Ubes e ANPG) realizam uma atividade de Divulgação Científica. A lista de organizadores é certamente o que explica o tema do Salão: "Popularização da Ciência no Brasil". Além disso, conferiu uma característica típica das entidades ao evento: muita irreverência, concretizada nos bonecões e nos atores que representaram os cientistas com diversas pequenas intervenções durante os debates. A programação cultural contou ainda com  o cortejo de maracatu dos "Meninos do Morumbi", a confecção de um painel pelo grafiteiro Bonga durante um debate e a "Barraca da Troca", organizada pelo Centro Universitário de Cultura e Arte da UNE (Cuca), onde as pessoas podiam escolher objetos na banca e trocar por outros artigos de sua posse.

Jacqueline Malta


Além da irreverência, o Salão promoveu nove debates e dois dias de mostra científica. Foram inscritos 135 trabalhos, dos quais 92 foram selecionados. A principal característica da mostra organizada pelo Salão foi a pluridisciplinaridade, que agradou jovens cientistas, como é o caso da estudante de Odontologia da Universidade Estadual de Maringá (UEM) Christine Men Martins: "achei muito bacana poder ver trabalhos de diversas áreas, em geral participo de eventos científicos que só falam de Odontologia. Essa troca é muito interessante". Christine é bolsista do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (Pibic) e veio com a caravana de Maringá e Londrina (PR) organizada pelo Cenapet. A mostra científica reuniu trabalhos de estudantes de Institutos federais de Educação Tecnológica (Ifets), graduandos e pós graduandos de diversas áreas do conhecimento, bolsistas PIBIC e PET, além de estudantes da própria PUC-SP.
 
 

Os convidados do Salão dariam um capítulo a parte: cientistas, representantes de movimentos sociais, artistas, autoridades, entidades científicas, uma verdadeira salada de saberes e opiniões, que incluiu entidades como a Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap), o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e a Comissão Nacional de Aperfeiçoamento do Pessoal de Nível Superior (Capes).

Revista da ANPG

 

O Salão também foi o espaço de lançamento da 1ª edição da Revista Científica da Associação Nacional de Pós-Graduandos. Com o tema “Ciência, Tecnologia e Políticas Educacionais” a Revista da ANPG tem como foco a difusão de estudos, pesquisas e documentos relevantes para o desenvolvimento nacional sustentável e a redução das desigualdades sociais. Conta com um corpo técnico de alta qualidade e também estimula a valorização dos pós-graduandos brasileiros e o fomento às pesquisas no Brasil.

Para Hugo Valadares, presidente da ANPG “a concretização desse projeto – materializada em nossa revista – é fruto de todo esse esforço e da representatividade social e política que a ANPG angariou nesse período”.

O lançamento da Revista também foi celebrado na noite de sábado, na atividade festiva do Salão.

 

No asfalto e no morro

No último dia de atividades, o Secretário Nacional de Juventude Danilo Moreira e o rapper do grupo Face da Morte, Aliado G, participaram de uma roda de juventude com o tema "Novos talentos: no asfalto e no morro, a juventude faz ciência". Aliado G leu o nome da mesa e disse: "quando penso neste tema me vêm à cabeça dois tipos de jovens cientistas: o que está no centro de pesquisa da universidade e o que está fabricando cocaína no laboratório do morro. É importante compreendermos porque um está lá e outro cá".

O Salão foi encerrado com a mesa "Ciência em Movimento: jovens cientistas pela popularização da ciência", composta pelo presidente da ANPG, Hugo Valadares, pelo presidente do Diretório Central da Universidade Estadual de Montes Claros, Daniel Dias, pela presidente do grêmio do Ifet de Cubatão, Ana Cristina Araújo, e pela bolsista PET da Universidade Estadual de Londrina, Talita Girotto. Estudantes de Ifets e universidades fizeram intervenções e foi encaminhada a redação de uma carta do Salão pela popularização da ciência.

 

programação 

 

 
 

 

De São Paulo, Luana Bonone e Luisa Barbosa.

 

 

 

 

45º CONAP

O 45º Conselho Nacional de Associações de Pós-Graduandos (CONAP) será...

Ler mais